Murtosa – Viena: Dia 2

Terça-feira, 10 de Junho de 2014

O plano para o segundo dia da viagem era fazer bastante distância, para termos um terceiro dia mais fácil. Para isso, acordamos cedo, tomamos café-da-manhã o mais cedo possível e partimos.

Bom, antes de partir, precisavamos ligar o carro. A garagem era estreita, e na frente da Leopoldina tinha uma Lamborghini. Não tinha espaço para fazer cagadas. Para isso, Tiago e eu empurramos e o Domingos ligou a Brasilia com a maestria de sempre. Enquanto eu e Tiago precisávamos de 20 metros, o Domingos precisava de 5 para ligar o carro.

O carro funcionando, vambora! Saímos de Zaragoza em direção a Barcelona. E depois de excelentes 200 km o Domingos sente o carro falhando… falhando… piorando…. 4 km a frente, um posto de Gasolina, paramos.

O carro não conseguia ficar ligado. E ligar para mexer e testar não dava, porque o motor de partida não ia. Uma péssima combinação de fatores que atava nossas mãos.

Abrimos a tampa do motor e tentamos identificar os problemas. Tiramos os cabos de vela, tiramos a vela. Percebemos que os cilindros 1 e 2 estavam bem mais frios, indicando que não estavam queimando. Tiramos as velas e a vela do cilindro 1 estava muito molhada. A do cilindro 2 não. Imaginamos que a ignição do cilindro 1 não estava boa (vela ou cabo de vela). Platinado e tampa do distribuidor não aparentavam problemas.

Tirei o filtro de ar do carburador direito e  percebi que a agulha do carburador estava pingando gasolina sobre a borboleta do carburador. Um sinal de que algo não estava certo com o carburador, mas a minha inexperiência me impedia de arriscar e fazer cagada, ainda mais tão longe de casa.

Ligamos para o seguro, e o seguro chamou um reboque. Ligamos para o reboque umas 11:15, e vieram nos buscar apenas lá pelas 14:15. Três horas parado e nenhuma solução. Apenas a esperança de que não seria nada grave e de que poderíamos seguir viagem no mesmo dia. Nestas três horas almoçamos, conversamos com 2 pilotos de teste que testavam carros da Subaru (acho), aprendemos que vela em espanhol é murria. Chegou o reboque e uma taxista para levar 2 de nós pra oficina. Eu fui no caminhão com a Leopolda.

Chegamos na oficina as 14:30. E nada de ser atendido…. porque estávamos na Espanha. E na Espanha, das 11 as 15:00 não se trabalha, se faz siesta. As 15:00 abriram a oficina e começaram a mexer no carro. Logo ouvimos o motor ligando capenga… e ouvimos o motor de arranque funcionando denovo! Os mecânicos fecharam o portão para não ficarmos como curiosos assistindo o trabalho. Pudemos apenas ouvir o motor ligando de vez em quando, e ficando cada vez melhor.

Uma hora e quinze minutos mais tarde, abre-se o portão. O trabalho estava pronto. A Leopoldina estava ligando com suas próprias forças e o motor estava reguladinho. Saldo: 5 horas perdidas, 80 euros perdidos, mas a alegria de que poderíamos prosseguir viagem.

Estava tarde, mas resolvemos seguir até onde dava. Primeiramente o Domingos terminou os 300 km dele até Barceona. Eu peguei o carro e fui até um tanto da França e depois o Tiago dirigiu noite a dentro, até as 2 e pouco da manhã para conseguirmos chegar a Menton, quase fronteira com a Itália. Mal vimos a França passar, pois estava muito escuro pra ver alguma coisa. Uma pena, talvez o maior prejuízo do defeito.

Chegamos no Ibis budget de Menton, e como imaginávamos, nenhum atendente. Apenas um computador. Clicando lá, consegui a senha e adentramos o hotel. Era só dormir e acordar cedo para o próximo dia, que seria o último para chegarmos em casa.

 

Advertisements

0 Responses to “Murtosa – Viena: Dia 2”



  1. Schreibe einen Kommentar

Kommentar verfassen

Trage deine Daten unten ein oder klicke ein Icon um dich einzuloggen:

WordPress.com-Logo

Du kommentierst mit Deinem WordPress.com-Konto. Abmelden /  Ändern )

Google+ Foto

Du kommentierst mit Deinem Google+-Konto. Abmelden /  Ändern )

Twitter-Bild

Du kommentierst mit Deinem Twitter-Konto. Abmelden /  Ändern )

Facebook-Foto

Du kommentierst mit Deinem Facebook-Konto. Abmelden /  Ändern )

Verbinde mit %s




Klaus Wagner

Viena, Áustria

http://www.wagnerk.com
Advertisements

%d Bloggern gefällt das: